Confira o que aconteceu no Seminário Estadual de Direitos Humanos

Seminário ocorreu nos dias 24 e 25 de novembro, no Sindicato dos Professores, em São Paulo.

O Conselho Regional de Serviço Social de São Paulo (CRESS-SP) realizou na semana passada, o Seminário Estadual de Direitos Humanos. O evento reuniu aproximadamente 140 participantes, entre assistentes sociais e estudantes de Serviço Social, que acompanharam as palestras e debates em torno do racismo. O debate realizado em dois dias, foi dividido a partir dos seguintes temas acerca da questão racial:

No dia 24, a mesa da manhã, o debate foi sobre a Judicialização da Questão Social e os rebatimentos no exercício profissional do/a assistente social, com a presença da professora Dra. Elizabete Terezinha Rosa e do advogado em Direitos Humanos,  Paulo Mariante.

No período da tarde, a mesa Assistentes Sociais no Combate ao Racismo – Serviço Social e Relações étnico-raciais e genocídio da juventude negra teve a participação da Professora Dra. Renata Gonçalves, Kajali Lima (assistente social) e Julio Cezar de Andrade (assistente social).

Para o diretor do CRESS/SP, Julio Cezar de Andrade, o encarceramento e genocídio da juventude está relacionada diretamente a um processo histórico do racismo, que irá naturalizar a criminalização da pobreza da população negra. Destaca ainda que realizar um estudo sobre essa temática no interior do Serviço Social significa se comprometer com as grandes lutas históricas da classe trabalhadora.

 

No dia 25, foram realizadas três mesas, sendo a da manhã focada na temática Por uma sociedade sem prisões: Debate sobre o Abolicionismo Penal e a realidade do SINASE e da LEP, contando com a presença do Professor Ms. Jefferson Lee, Professora Dra. Andrea Almeida Torres, Professor Ms. Edson Maurício Cabral.

Durante sua apresentação, o professor da UERJ, Jefferson Lee, chamou a atenção para que o debate acerca de uma sociedade sem prisões não seja pautado somente em uma guerra contra o crime, mas sim contra a pobreza, e destaca: “As prisões são funcionais ao capital do ponto de vista político, pois elas ampliam o controle de determinados grupos populacionais”

A mesa seguinte, tratou do tema Proibicionismo e Moralismo a serviço de quem? O urgente debate sobre a legalização das drogas, com a  Professora Dra. Fabíola Xavier Leal e João Henrique Bueno, integrante do Movimento É de Lei.

No encerramento, a mesa foi composta pela presidenta do CRESS/SP Kelly Melatti, pela presidenta do CONDEPE, Nazaré Cupertino e por Débora Silva, do Movimento Mães de Maio.

 

Confira o vídeo com alguns dos melhores momentos do Seminário!

 

Mais Notícias 

FECHAR
FECHAR

adidas eqt   | adidas eqt 9317   | adidas eqt adv   | adidas eqt adv 9317   | adidas eqt adv pk   | eqt adv shoes   | eqt adv 93   | eqt adv 9317   | eqt adv black green   | eqt adv pk   |